Votação encerrada às 23:59 do dia 04/04/2020. Confira os 10 projetos mais votados.
Votação popular

AGR186 - Estimativa do desenvolvimento de diferentes cultivares de milho usando modelos agrometeorológicos não-lineares

Sub-categoria: Agronomia

Votação encerrada às 23h59 do dia 4/4/2020.
Confira os 10 projetos mais votados!.

Autoria: Gabriel dos Santos Lima, Daniel Molaes de Oliveira

Orientação: Cicero Teixeira Silva Costa, Guilherme Botega Torsoni

Instituição: IFMS - Campus Naviraí

Resumo

(Ver pôster)

O objetivo deste trabalho foi estimar o desenvolvimento de diferentes cultivares de milho usando modelos agrometeorológicos não-lineares. O experimento foi realizado no Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia de Mato Grosso do Sul (IFMS), campus de Naviraí, localizada a 23º 03’ 54’’ S a 54º 11’ 26’’ W e altitude de 362m. O experimento foi montado em uma área experimento de 400m2. O delineamento foi em blocos casualizados (DBC) com cinco tratamentos (cultivares) e seis repetições. As cultivares testadas foram: AG7088, AG7098, AG8677, AG 9025, SW 5130 e SW 5560. Os valores obtidos foram submetidos à análise de variância (ANOVA). Nos casos em que o valor do teste F foi significativo, foram realizados testes de Scott-Knott, ao nível de 5% de significância. Para isso, foi utilizado o software estatístico computacional “R”. A região de Naviraí-MS demonstrou apresentar condições climáticas favoráveis à produção da cultura do milho, pois todas as cultivares demonstraram um bom desenvolvimento. A cultivar de milho que teve a maior produtividade foi a AG8677 com 4,63 toneladas por hectares, enquanto que as cultivares com menor produtividade foram as SW 5560 e SW 5130, com valores de 2,21 e 2,25 toneladas por hectares, respectivamente.

Palavras-chave: Zea mays, diferentes cultivares, correlação de pearson