Votação encerrada às 23:59 do dia 04/04/2020. Confira os 10 projetos mais votados.
Votação popular

AGR189 - Macadubo: plantio sustentável de café consorciado com macaúba e adubação orgânica

Sub-categoria: Agronomia

Votação encerrada às 23h59 do dia 4/4/2020.
Confira os 10 projetos mais votados!.

Autoria: THIAGO SOUZA DE OLIVEIRA, MELISSA LOPES SCHMIDT LIMA, CARLOS EDUARDO ARAUJO

Orientação: PAULO ROBERTO DA COSTA LEMOS

Instituição: E.E. Ângelo Scarabucci

Resumo

(Ver pôster)

O setor agropecuário brasileiro tem nível de produção mundial e expressividade econômica, estendendo-se por diferentes biomas. Não descartada a importância das discussões e de políticas públicas e compromisso social no desenvolvimento sustentável urbano, é relevante pensarmos nos impactos no meio ambiente no campo, visto não existir fronteiras para o compromisso de cuidado com o meio ambiente. Neste cenário, ganham relevo pesquisas que buscam garantir práticas sustentáveis na área rural, a partir de novas técnicas de produção, incentivando o desenvolvimento de produtos capazes de gerar impacto social e ambiental positivos. O recorte deste projeto é a produção de café no Município de Franca-SP, cinturão cafeicultor paulista, com objetivo de apresentar proposta de plantio, fazendo uso dos elementos naturais do cerrado como estratégia para regenerar naturalmente áreas com produção de café. Realizou-se o estudo da palmeira Acrocomia aculeata, popularmente conhecida na região como macaúba. A partir do cruzamento de dados em pesquisas similares, chegou-se aqui a duas propostas viáveis de plantio consorciado de café com a palmeira macaúba, de tal maneira que as duas espécies cultivadas simultaneamente possam ser exploradas. Além do mais, a palmeira macaúba é planta promissora para a produção de biocombustível, portanto, aliando a vantagem econômica com a socioambiental, pilares da sustentabilidade. Destacou-se ainda o uso promissor de partes da macaúba, sobretudo os resíduos do processamento dos frutos para extração de óleo, como fonte para composição de adubo orgânico, capaz de fornecer ao solo nutrição e perfil bioquímico para a plantação de café, reunindo assim várias vantagens a um só tempo no plantio proposto. As pesquisas experimentais em andamento neste projeto buscam confirmar a potencialidade do uso da macaúba como matéria prima para produção de adubo orgânico, como os testes preliminares e análises laboratoriais registrados nesta pesquisa sinalizam.

Palavras-chave: Macaúba (Acrocomia aculeata), Adubação Orgânica, Cafezais Consorciados